segunda-feira, 2 de fevereiro de 2009

Milk


Baseado na verídica história de um primeiro político gay nos EUA, Harvey Milk, o filme é um delicía para os amantes de filmes LGBT. Aliás, o realizador Gus Van Sant admite que o seu grande sonho enquanto realizador era adaptar a história para a grande tela. É estupendo ver o machão do Sean Penn, ex-marido da Madonna, interpretar um gay afectado (note-se o sotaque!) embora o gostosão do James Franco me pareça um pouco desenquadrado. Gostei muito mais da inocência camp de Emile Hirsch...

Destaque para a cena do miúdo gay em cadeiras de rodas (chorei que me fartei...) e a alusão à ópera "Tosca" como paralelismo para a morte trágica do prefeito, Milk. O filme, de facto, faz-nos sonhar com o tão proclamado sonho de liberdade americano (cof cof)! Retrata um marco nos avanços LGBT em todo o mundo... Para mim, um dos melhores filmes de todos os tempos. Vi-o em casa (a pirataria é uma coisa impressionante). Pena o título, Milk. Para um filme de gays parece-me, no mínimo, provocador (piadinha!)

1 comentário:

pinguim disse...

Também o vou ver em casa(...) e tenho a certeza que vou gostar.
Aliás tenho uma extensa e excelente colecção de filmes LGBT...
Abraço.